Conforme relata a Assistente Social Marisa Kasper Dalapossa, Coordenadora técnica da política da pessoa idosa, o curso de Artesanato com aulas de pintura, crochê, bordado, entre outros teve inicio nesta semana tendo como local a sede da ASPUMPI junto ao parque da Efacip com encontros semanais as segundas feiras a tarde com inicio as 14hs e término as 16hs. 

Estudos revelam que o desenho, a pintura e o artesanato servem como um recurso terapêutico, pois ativam os canais sensoriais durante a prática. Com isso, ajuda a equilibrar as emoções e soltar a imaginação e pensamentos. Os trabalhos realizados manualmente ajudam a manter o corpo e a mente ativa, porque as terminações nervosas, que ficam localizadas nas pontas dos dedos, estão ligadas a diversas partes do cérebro. Dessa forma, aumentam a percepção, a atenção, as funções executivas e até mesmo a linguagem. Mais um benefício para quem passou dos 60 anos – e que já não exerce mais as funções trabalhistas – é que o artesanato, quando praticado em grupos, estimula a interação social, evitando que os mais velhos se sintam sozinhos ou entediados pela solidão. 


Cada idoso participante recebe o material gratuitamente e caso algum idoso tenha interesse em participar pode entrar em contato pelo telefone 3366-6675 na Secretaria de Assistência Social para obter maiores informações.