A final que deve decidir o campeão do Campeonato Estadual geral da Liga Catarinense de Futsal, Taça Econcreto Estruturas, edição 2018, está definida. Os jogos que foram responsáveis pela definição ocorreram no último sábado (01) e domingo (02), com as disputas entre Pinhalense Futsal e Lages Futsal, assim como Adaf Saudades contra a equipe do AGN Capinzal. 


Na noite de sábado, a Pinhalense recebeu em Pinhalzinho, no ginásio Centreventos Aloísio Floss, a equipe do Lages Futsal, pela segunda partida válida pela semifinal da competição. No primeiro jogo, em Lages, Pinhalense venceu o adversário pelo placar de 6 a 2, enquanto no segundo, Pinhalense voltou a vencer, desta vez pelo placar de 4 a 3, com gols de Léo Roos, Leandro e Wesley. 


De acordo com o ténico da equipe de Pinhalzinho, Lewis Heineck, a classificação foi conquistada de forma sofrida. “Nós tivemos que nos esforçar contra bastante adversidades que encontramos nestes dois jogos, como na questão de desfalques. Nenhum dos dois jogos nós jogamos com a equipe completa, jogamos com atleta lesionado que foi para o sacrifício, ficamos sem atleta devido a lesão e perdemos atletas devido ao regulamento confuso da competição. Encaramos uma equipe que valorizou muito nossa vitória, aqui em Pinhalzinho o Lages Futsal esteve na frente do placar duas vezes, nos impuseram muitas dificuldades até o fim do jogo e a nós tivemos que trabalhar muito e usar bastante o foco para conseguir avançar para a próxima fase”, afirma Heineck. 


Já no domingo, Adaf Saudades recebeu em casa, no ginásio Theobaldo Ross, a equipe do AGN Capinzal, pela segunda partida da semifinal. No primeiro jogo, em Capinzal, a equipe de Saudades perdeu por 4 a 2 e, para a segunda partida, em casa, buscava por vitória para levar a partida para a prorrogação e obter a classificação. No entanto, a vitória por 5 a 3 da Adaf na primeira parte da partida chegou, porém, na prorrogação, a equipe do AGN Capinzal obteve maior aproveitamento e venceu por 1 a 0. 


Desta forma, Pinhalense Futsal e AGN Capinzal se encaram em dois grandes jogos válidos pelas finais da Liga Catarinense. O primeiro jogo está marcado para ocorrer amanhã (08), às 20h15, no ginásio Centreventos Aloísio Floss, em Pinhalzinho, enquanto o segundo jogo será disputado no sábado (15), às 20h30, no ginásio Dileto Bertaioli, em Capinzal. O critério utilizado pela LCF para decidir o mandante do último jogo foi através do desempenho obtido pelas equipes nos pontos totais do campeonato, sem a fase do playoff. 


O técnico da Pinhalense, por sua vez, avalia que por se tratar do primeiro ano em que retorna o projeto do futsal em Pinhalzinho, a equipe já considerada vencedora. “É uma pena que as competições premiem apenas o primeiro colocado, mas nós sabemos que já somos vencedores, independente do que acontecer na final. Sabemos que em termos de evolução de atletas e projeto, já demos passos largos e importantes nesta caminhada, consolidamos o projeto, resgatamos o futsal em Pinhalzinho, trouxemos a comunidade novamente ao ginásio e fizemos uma equipe com pratas da casa, com pessoas nossas, que entendem nossa filosofia e são gente como a gente”, declara o técnico, ao afirmar que esse é um dos passos mais importantes. 


Da mesma forma, Lewis avalia que o empenho da equipe será para conquistar o título, que sempre foi o objetivo de toda a equipe. O foco está no adversário, Capinzal, que o técnico avalia se tratar de um jogo complicado com uma equipe qualificada. “Nós enfrentamos eles nas quartas de final do Returno, vencemos de forma muito sofrida, e a equipe deles foi bem nos dois jogos e sabemos que se não dermos o nosso máximo, se não nos entregarmos o tempo inteiro, não vamos conseguir o título. Por isso trabalhamos bastante e vamos compensar a falta de quem vai ficar ausente nestas partidas, para tentarmos fazer dois bons jogos e merecer a vitória”, conclui Lewis.