Pinhalzinho foi contemplado através do edital do Itaú Social, no valor de R$ 185 mil. Para o qual, foi inscrito o projeto ‘Costurando Sonhos’, desenvolvido em parceria com a Casa da Amizade. 


Conforme a secretária de Assistência Social, Ivone Orso, o municípios de Pinhalzinho teve uma grande conquista em 2019. “Em maio foi criado o Fundo Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa, passado a estar apto a participar de editais de captação de recursos. Houve o lançamento do edital do Itaú para o Fundo do Idoso, direcionado para organizações da Sociedade Civil que apresentassem projetos de atendimento a pessoa idosa, ao Conselho do Idoso. Este projeto estando aprovado deixava a entidade apta a inscrever o seu projeto no edital do Itaú”, ressalta. 


Ivone menciona que a Casa da Amizade se prontificou a ser parceira do Centro de Referência de Assistência Social (Cras), na elaboração do projeto ‘Costurando Sonhos’. “Esse projeto prevê a inclusão das pessoas idosas, prioritariamente que estão em situação de vulnerabilidade social ou isolamento, a uma atividade produtiva a partir de customização de roupas e produtos, com sobras de matéria prima que são doadas pelas indústrias do vestuário, como forma de produzir e garantir a complementariedade de renda dos idosos”, explica. 


O projeto será executado pelas integrantes da Casa da Amizade, juntamente com o Cras em 2020, atendendo 80 idosos. O valor de R$ 185 mil será para a aquisição de máquinas de costura, contratação de profissionais e manutenção do projeto. 


“Estamos felizes com essa conquista, muitos idosos serão beneficiados com o atendimento e a complementariedade da renda”, finaliza a secretária.