A Associação Empresarial de Pinhalzinho (ACIP), Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), Núcleo de Inovação juntamente com a Prefeitura Municipal de Pinhalzinho lançaram na noite de quarta-feira (05), um programa para apoiar a gestão das empresas do município - Programa Avance Mais. 


O propósito do programa é impulsionar o crescimento das empresas do município, fomentando o empreendedorismo e a inovação por meio de ações que visam capacitar os empresários com foco nos processos de gestão, otimização e desenvolvimento do modelo de negócios através de mentorias com especialistas.


Conforme o secretário de finanças de Pinhalzinho, Sérgio Matte, o Programa Avance Mais vem substituir o Programa Colmeia. “Esse é um projeto grandioso, desenvolvido a várias mãos, onde através de chamamento público a ACIP se habilitou, tem recursos são destinados ao município de Pinhalzinho, onde o Núcleo de Inovação assumiu esse projeto e com isso foi criado o Programa Colmeia e substituído o nome para Programa Avance Mais, para ser mais simples e de fácil compreensão”, aponta.


Ele destaca ainda que o projeto visa à aceleração de empresas, ou seja, tem como objetivo principal dar suporte para todos os empreendedores que queiram ter o seu negócio como um negócio viável, sustentável e que realmente traga o retorno para o município. “O programa social mais efetivo e mais forte é a geração de emprego e o faturamento que gera o movimento econômico, que traz a riqueza para o município, aumentando a receita e com isso existe uma distribuição mais justa de impostos que o município arrecada e aplica para as demais demandas do município”, destaca Matte.


O secretário de finanças diz que a cada dia vão avançar mais e transformar com projetos contínuos de desenvolvimento e fomento ao empreendedorismo em todas as áreas, tanto no interior, como na cidade, na indústria, prestação de serviço e comércio.


O presidente da ACIP, Roberto Zagonel, aponta que até dia 28 de junho serão realizadas as inscrições dos interessados a participar do projeto. No mês de julho serão homologadas as inscrições e escolhidas as 20 empresas. “Nesta primeira etapa será feito um Canvas, um diagnósticos de planos e ações para as empresas que irão participar, que estarão sendo acompanhadas por vários mentores. Depois dessa etapa serão escolhidas três empresas que serão acompanhadas até dia 16 de dezembro 2019, esse acompanhamento será em ações mais voltadas aos problemas que a empresa tem, resolvendo problemas que as empresas contemplam e que não conseguem visualizar ou resolver. Depois de todas essas etapas será feita uma apresentação do resultado”, ressalta. 


Zagonel aponta ainda que todas as empresas que realizarem a inscrição será feito um trabalho paralelo, diferenciado. Esse projeto conta com apoio das universidades, Sebrae, mentoria de empresas de grande porte, mentoria de professores, de profissionais liberais que farão todo esse trabalho. 

Geração de emprego 
Pinhalzinho teve em dois anos de governo 260 gerações de empregos. Matte ressalta que um dos maiores objetivos é fortalecer a geração de novas vagas de trabalho. “Saímos de 2016 com mais demissão do que criação de vagas, menos 184 vagas. Em 2017 geramos mais 92 vagas, em 2018 mais 160 vagas. Somente no primeiro quadrimestre deste ano, o município de Pinhalzinho já gerou mais de 400 novas vagas de trabalho. Isso demostra o empenho e a dedicação desse governo”.